sexta-feira, 13 de julho de 2018

Invasão no Terreno da Nascente

Tivemos, no dia 09/07/18 a invasão do terreno da Nascente por pessoas do movimento habitacional. 

O fato do terreno estar desapropriado há 6 anos sem ter um uso social, dá margem às pessoas que militam no Movimento Habitacional, vislumbrarem seu uso! Cabe ressaltar que havia oportunistas infiltrados...

Desde que foi noticiado a ocupação, Cidadãos vizinhos e a Comissão de Moradores do Parque iniciaram suas denuncias. 

A Prefeitura agiu rápido e logo vieram as negociações com os ocupantes do terreno.

Saldo deste evento: cadastro das famílias que ocuparam o terreno, agendamento de reunião com os mesmo para definir encaminhamentos,  uma montanha de resíduos deixada na área, perda das 500 mudas que foram plantadas ano retrasado, desmatamento de áreas de Mata Atlântica em recomposição e queimadas.

Que este evento sirva para fortalecermos o Movimento Pró Parque Linear e também o Movimento por Habitações Populares! Ambas causas são legítimas e devem coexistir! A Qualidade de vida de uma comunidade depende das áreas verdes, de lazer e esportes!

https://globoplay.globo.com/v/6866226/
CLIQUE NA IMAGEM PARA VER A MATÉRIA 



https://g1.globo.com/sp/sao-paulo/noticia/grupo-deixa-area-ocupada-no-butanta-em-sp-apos-negociacao-com-a-prefeitura.ghtml

quinta-feira, 5 de julho de 2018

Atualização do Estudo sobre a implantação do Parque Linear

A Coordenadoria de Planejamento da Prefeitura Regional do Butantã promoveu a atualização dos projetos executivos e dos investimentos financeiros realizados para a implantação do Parque Linear Água Podre.

Desejamos que todo este recurso público empenhado até o momento (mais de R$33 milhões), associado à maturidade dos projetos executivos signifiquem a implantação do Parque... Já são 12 anos de discussões, investimentos, estudos, reuniões e promessas!

Acesse o estudo atualizado da implantação clicando aqui.

Continuamos mobilizados e mobilizando! Seja parte!

terça-feira, 25 de abril de 2017

Estudo mostra como ficará Parque Linear

Foi feito pela SVMA (Secretaria do Verde e do Meio Ambiente) um estudo sobre como será o Parque Linear no riacho Água Podre.

Vale e a pena verificar como ele mudará a realidade da nossa região! Qualidade de vida, saúde, esporte, convívio... Temos que tirar este projeto do papel!


Por decreto (n° 53.683/12 de 28/12/12), ele existe! O que está faltando para virar uma verdade na Cidade?

quinta-feira, 20 de abril de 2017

Desocupação do terreno da habitação

Esta semana tivemos a ocupação de um dos terrenos destinados a construção das unidades habitacionais da Comunidade Maria Lúcia. Tal programa habitacional faz parte das instalações do Parque Linear Água Podre.

A ocupação, se consolidada, poria em risco a edificação dos condomínios. Importante que as famílias que foram removidas, sejam atendidas pelos programas assistenciais e habitacionais, se necessário.

Após a presença das equipes de desfazimento da Prefeitura, houve uma manifestação da pessoas que foram desalojadas, logo veio a PM e liberou a rua Laudelino de Abreu para o trânsito. 

Mais importante que promover a liberação do terreno é mantê-lo sem novas ocupações e, acima de tudo, promover a edificação do projeto executivo dos condomínios que já foi desenvolvido. É isto que desejamos, que SEHAB ocupe os terrenos com seus condomínios e atenda ao combinado com os Cidadãos!

Abaixo algumas imagens mostrando momentos do dia 18/04/2017